domingo, 20 de junho de 2010

Um peruano "alto"

Um dia, andando na calçada, nós encontramos um peruano chapado.
Ele estava alto.
A gente quis passar rápido por ele, pra evitar qualquer problema.
Enquanto nossos passos foram acelerando, eu olhei para ele.
Vi seu rosto repleto de bochechas. Olhei em seus olhos fechados.
Ele me pareceu familiar.
Tanto que fui obrigado a tirar uma foto.
E a guardá-la para a posteridade, pois sei que algum dia, quando esse mesmo peruano começar a me chamar de "pai" eu vou poder usá-la para mostrar ao nosso pequeno como se faz para ser feliz de verdade.


sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Enquanto as atualizações não vêm...

... Fica um vídeo do Gabriel roncando pra vocês.
video

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

HEXACAMPEÃO!!!

Parece que o novo mascote do Mengão é pra lá de pé-quente.







Seja bem-vindo ao seleto grupo dos CAMPEÕES, filho!

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Nasceu o nosso pequeno!

Comentários de última hora:

* Já é alta madrugada e eu não tenho o menor sono. Isso é normal?

* Daqui a 4 horas estaremos saindo para ir ao hospital.

* Ainda preciso fazer a barba. Não vai ser legal arranhar nosso garoto no primeiro encontro.

* Esse tic-tac do relógio é irritante demais!

* Agora me vou. Até!

"Vida de pai é difícil, é difícil como o quê..."

* Quem inventou as fraldas?
* Quem esqueceu de programar o código genético do homem com as informações necessárias para fazer do simples ato de trocar fraldas um belo prazer?
* Como se sabe qual lado é o da frente?

Dúvidas de principiante, que se resolvem com um pouco de treino:


(Calma. Você consegue. Vai no talento. Na manha. Só descobre primeiro qual o lado que fica pra frente)



(Se as coisas saírem um pouco do controle, não se desespere! Isso é normal. Sempre haverá alguém por perto para dizer que a fralda não deve passar pelo pescoço da criança)



(Aperta, estica, puxa, cola e...)



(Voilà! Mais um macaquinho sequinho e seguro com suas fraldas plásticas hermeticamente colocadas!)


------------

NOTA: Para esse árduo treinamento, o ideal seria conseguir uma boneca ou o filho vivo de alguém emprestado. Assim, pelo menos, se estragar alguma coisa, você devolve pro dono.

NOTA 2: Nenhum animal (além do pai da criança) foi maltratado durante a gravação dessas imagens.

Faltam...

... menos de 12 horas para o nascimento!

O Quarto da Criança II

Foi uma longa jornada.
Nesse tempo, conhecemos muitas preocupações.
Muitas delas completamente novas.
Outras, nem tão desconhecidas assim, assumiram nova roupagem.
Mas, acima de todas, num primeiro momento, aquilo que mais nos preocupava era: "Onde diabos vamos guardar o Gabriel?".

Até meados de julho, quando ainda morávamos no antigo apartamento, essa era uma questão complicada de se resolver. Não havia muito espaço, as opções eram poucas e qualquer lampejo de criatividade poderia ser útil no momento de criar espaço para nosso bebê. E olha que nós até tentamos. Mas não deu muito certo.

Felizmente, depois disso, mudamos para uma meia-casa de fundos que, apesar de ainda longe de ser um palacete, já era um lugar bem mais confortável a que podíamos chamar de "lar".
Ali havia, sobretudo, espaço.
E um quarto só para o pequeno.

Foi um árduo trabalho, dividido em várias etapas que foram aos poucos sendo superadas antes de que pudéssemos nos dar por satisfeitos.

Primeiro, foi a pintura.






Depois, a tentativa de começar a dar aquele ar de bebê.
Colamos as faixas nas paredes.






Tivemos que recolar as faixas (ou alguém aí pensou que tudo daria certo logo de primeira?).




Quando o ambiente já estava quase pronto, era hora de prender a cortina.




Por fim, foram chegando os móveis: o berço, a cômoda, o armário e a cadeira.
Muito calmamento, tudo foi entrando no lugar, se ajeitando.



E agora (ou pelo menos enquanto as faixas aguentarem coladas às paredes) e os mosquitos invadirem, o pequeno Gabriel já tem o seu espaço, que ficou mais ou menos com essa cara.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

É Amanhã!!!

Que o nosso Gabriel vai chegar.

Agora só resta contar as horas e tentar conter a ansiedade!

Até!

Um bebê qualquer

Acontece na 38ª semana

38 SEMANAS DE GRAVIDEZ

Sabemos que há muita coisa para preparar e que nessas horas às vezes surge um desejo louco de limpeza e organização, mas faça o máximo para descansar, porque vai ser sua última chance por algum tempo. Se você está trabalhando, fique atenta aos sinais do seu corpo, para ver se não é melhor diminuir o ritmo. Aproveite e passe bastante tempo com seu companheiro — afinal, logo vocês terão muito mais coisas com que se ocupar.

Fonte: BabyCenter.com

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Para os Registros VII (última imagem "in loco")

Dentro de 1 semana o nosso pequeno já vai estar por aqui.

Até lá, ficamos com as imagens de seu "casulo", com 8 meses e meio.



A expectativa está nas alturas. A ansiedade, idem.

E a contagem regressiva continua. Cada vez mais rápida!

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Acontece na 37ª semana

37 SEMANAS DE GRAVIDEZ

Falta pouco agora! Esta semana, seu bebê vai perdendo a camada de pêlos fininhos que o recobria, o lanugo, e também o "verniz" que isola a pele dele do líquido amniótico. Essas secreções são engolidas pelo próprio bebê, e formam o mecônio, o primeiro cocô.

Fonte: BabyCenter.com

terça-feira, 3 de novembro de 2009

A Data


A quem interessar possa, notícia em primeira mão:

A não ser que ele tenha muita pressa para vir ao mundo, o Gabriel vai nascer no dia 17 de Novembro!

Pelo menos é nessa data que a cesária está marcada.

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Acontece na 36ª semana

36 SEMANAS DE GRAVIDEZ

Quando esta semana terminar, você terá chegado a um grande marco da gravidez: seu bebê não será mais considerado prematuro. Ele já tem sinal verde para nascer "a termo". À medida que o bebê se encaixa na sua bacia, seus pulmões e seu estômago podem ganhar algum refresco, mas por outro lado a bexiga vai ficar mais espremida — mandando você mais vezes para o banheiro.

domingo, 1 de novembro de 2009

O chá de Bebê

Aconteceu no dia 26 de Setembro (quase nem faz tempo!), nas dependências da Sociedade Esportiva Bandeirante.

Obviamente, eu não fui convidado. Mas, pela sujeira da Ma quando ela chegou em casa e pela cara de cansada, o negócio deve ter sido bom.

O saldo final do chá, contabilizado por uma purpurinada mãe e por uma tia agonniada, foi o seguinte:

* 7 pacotes de fraldas tamanho P = 199 fraldas
* 15 pacotes de fraldas tamanho M = 536 fraldas
* 2 pacotes de fraldas tamanho G = 44 fraldas
* 8 pacotes de lenços umedecido = 490 lencinhos
* 75 cotonetes (unidades)
* 4 sabonetes (barra)
* 2 sabonetes (líquido)
* 2 frascos de talco
* 1 escova
* 1 pente
* 1 vidrinho de óleo (para bebê, não de cozinha)
* 1 cobertor
* 1 "saco" para bêbe
* 1 lixeirinho
* 1 outro lixeiro pequeno
* Várias roupinhas e sapatinhos

No final das contas, valeu bem a pena.
Com certeza até o Gabriel gostou muito dessa sua primeira apresentação pública "oficial".

E, para quem não pôde comparecer, ficam aqui algumas imagens do evento (sem os gogo-boys, que tiveram um probleminha e não puderam comparecer - oh, q pena!).













quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Notícias do consultório


Imaginem este diálogo:


- O diâmetro encefálico desse bebê é muito grande.
- (Risos)
- O quê? Falei alguma coisa?
- Não, doutor. É uma piada interna. Todo mundo fala que o pai do bebê é cabeçudo.
- Ah, então ele vai puxar o pai.

Agora pare, pense e analise.

Sim!
Este é um fato real.


-----------------------


Piadas cotidianas à parte, vamos aos fatos:

Na última semana, por motivos que não convém aqui expor (digamos simplesmente que por causa do descaso com que a "pretensa" doutora tratou uma situação de saúde pela qual passamos - isso ser falar na grosseria, na estupidez, na boçalidade e nos vários passos básicos que foram relegados ao esquecimento por uma pessoa que, a princípio, deveria nos orientar), a Ma trocou de obstetra.

O diálogo acima citado se passou logo na primeira consulta, enquanto ele via os resultados dos exames passados.

Hoje, fizemos aquele que provavelmente será o último até o Gabriel nascer.

Nesse exato momento, nosso bebê pesa aproximadamente 3,190 kg muito bem distribuídos em 48cm de corpo (o que justifica a cabecinha de Homer Simpson).

Vai tudo bem de saúde "até onde podemos ver" - como diria o Dr. Calodoseptopelúcidovounessesentidovoltonooutro Costelacostelacostela.


Continuamos no aguardo.

Cada dia mais ansiosos.

Cada segundo um pouco mais completos.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Acontece na 35ª semana

35 SEMANAS DE GRAVIDEZ

Agora, o bebê está apertadinho dentro do útero. Não se surpreenda se conseguir distinguir um cotovelo ou um joelho só de olhar para a sua barriga se mexendo. A cabeça pode "encaixar" no seu quadril, e as pessoas podem dizer que sua barriga está "baixa". Alguns bebês, no entanto, demoram mais para encaixar, principalmente quando não são o primeiro filho.

Fonte: BabyCenter.com

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Zig zag oi oi oi

No sábado passado fomos curtir o último final de semana da Oktoberfest, ali em Blumenau.

Aproveitamos também para já deixar preparado o pré-uniforme do Gabriel para a próxima edição da festa:




De quebra, até o vô Tonho ganhou lembrança... Muito sugestiva a plaquinha que a Ma encontrou e que nós, mui prontamente, colocamos à porta de nossa geladeira:

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Acontece na 34ª semana

34 SEMANAS DE GRAVIDEZ

Que comece a contagem regressiva! Você está entrando no último mês da gravidez. A esta altura, os pulmões do bebê já estão razoavelmente desenvolvidos. Crianças nascidas com 35 semanas às vezes não precisam nem ir para o centro de tratamento intensivo, e já podem ir para o quarto com a mãe.

Fonte: BabyCenter.com

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Acontece na 33ª semana

33 SEMANAS DE GRAVIDEZ

O bebê provavelmente está posicionado de cabeça para baixo no útero — embora ainda possa mudar de posição --, e os ossos do crânio dele ainda são flexíveis, para facilitar a passagem pelo canal de parto. As contrações de treinamento começam a ficar mais perceptíveis, mas ainda são irregulares.

Fonte: BabyCenter.com

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Samba-no-pé

E quem disse que pra saber dançar tem que conseguir ficar em pé sozinho?


quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Tirando o pó da gaveta

Ultimamente - especialmente depois do chá de bebê - temos recebido muitos presentes bacanas, muita coisinha pequena e "óin óin óin". Eu gostaria de poder postar tudo aqui, mas infelizmente o tempo que me resta acaba não sendo suficiente.

Por isso, vamos mudar um pouco a forma como as coisas vinham sendo feitas: agora, vez ou outra, alguns presentes vão ser escolhidos de forma aleatória e passarão a fazer parte da "gaveta virtual" do Gabriel.

Mais uma vez, fica nosso muito obrigado, do fundo do músulo estriado cardíaco, a todo mundo que tem colaborado conosco. E para quem, eventualmente, não puder ser colocado aqui a tempo, mil desculpas (mas vocês podem ter certeza que lá na gaveta "real" o seu espaço já está garantido!).

* Cangurus, coalas, gambás e outros marsupiais se dão muito bem com as suas "bolsas naturais", nas quais carregam seus filhotes. Pois nós, humanos, também temos a nossa estratégia. Graças à Camila, mia mui querida (e um tanto fora) prima, nós também poderemos andar por aí com o nosso filhote grudado no corpo.

(Mas, pensando bem... esse negócio provavelmente vai amassar as bolinhas do Gabriel!)



* Também a Fernanda, ilustre presença nos corredores acadêmicos do mestrado da ESPM (chiqueza pouca é bobagem!), contribuiu para fomentar o espírito rocker no nosso pequeno artista neo-brazuca. Um pagãozinho (há uma chance de 79% de eu ter errado o nome dessa peça, mas e daí? Não entendo nada de moda mesmo...) que já vem com o selo de beatlemaníaco fanático!


(Esse vai para aquela outra galeria)

("/Picture yourself on a boat, on a river, with tangerine trees and marmelade sky/": Psicodelia pura!)



Bacana também foi o "brinde" que veio com a roupa. Como o presente foi comprado na loja Santa Paciência (da qual já havia falado aqui algum tempo atrás), junto com ele veio um pequeno folheto, com a oração de evocação à Santa Paciência.


Para os pais de primeira viagem e tios babões de plantão, isso talvez seja de grande ajuda!